Tratore Ano a Ano: 2006

Delicatessen – Jazz + Bossa

Jazz + Bossa é o primeiro disco do conjunto de jazz Delicatessen. Focado em misturar o Jazz com os desdobramentos da Bossa-Nova, o grupo desde o primeiro CD faz sucesso certeiro com o público, constantemente se tornando os CDs mais vendidos pela Tratore quando são lançados. No album de estréia eles mostram ao que vieram, fazer ótimas versões de clássicos o Jazz no estilo da bossa nova, fórmula que seguiu em seu segundo disco My Baby Just Cares For Me de 2008 e no mais recente disco do ano passado Goodnight Kiss. O que permeia nos três discos é a linda voz de Ana Krüger e os sofisticados e precisos arranjos das músicas.

Sepultura – Dante XXI

Esse ano também foi lançado o disco Dante XXI da mais famosa banda de metal brasileira, Sepultura. Baseado na Divina Comédia de Dante Aligheri. Da mesma forma que o livro, o álbum é também dividido em três partes – Inferno, Purgatório e Paraíso – cada uma delas apresentada por uma intro. O resultado é uma brilhante viagem sonora que vai do tratamento pesado e agressivo do Inferno ao instrumental original e mesmo surpreendente do Paraíso, passando pelo uso de elementos orquestrais (trompetes, trompa, piano e cordas) do Purgatório, o que faz do álbum um trabalho ao mesmo tempo coerente com o melhor estilo da banda e uma criação inovadora, com faixas magistrais e diferentes do que ela mostrou até agora. A arte e projeto gráfico são assinados pelo artista Stephan Doitschinoff e impressionam pela qualidade e originalidade.

Rita Rameh e Luiz Waack – Por Quê?

Primeiro disco infantil de Rita Rameh e Luiz Waack “Por Quê?” se destaca da maior parte dos CDs voltados para o público infantil simplesmente pela qualidade das composições e artistas envolvidos no projeto.Os temas das músicas abordam o cotidiano do aprendizado de crianças através de diferentes gêneros musicais passando por samba, rock, balada, guarania e blues. O trabalho conta com a participação especial dos cantores Alzira Espíndola, André Abujamra, Cris Aflalo, Gigante Brazil, Iara Rennó, Jerry Espíndola, Mauricio Pereira e Sergio Espíndola, além de instrumentistas de primeira linha. O disco deu tão certo que quatro anos depois eles repetiram a dose com o lindíssimo Embolada, que foi um dos maiores sucessos da Tratore aquele ano e ganhou o Prêmio da Música Brasileira de 2012 como Melhor Álbum Infantil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s