Tratore Ano a Ano: 2012

Thiago Pethit – Estrela Decadente

Dois anos depois de sua estréia em Berlim, Texas Thiago Pethit apresenta seu segundo CD, Estrela Decadente. Nesse disco autoral (quase todas as faixas são de composição do cantor) produzido por Kassin, Pethit mostra um trabalho mais maduro e menos intimista que seu disco de estréia. Com um maravilhoso projeto gráfico na direção de arte de Pedro Inoue, Pethit teve a ajuda de amigos como Camila Lordy, Cida Moreira, Kassin, Mallu Magalhães, Pedro Pena e Renata Bastos e Stephane San Juan. Além dos ótimos arranjos de Kassin, o que chama a atenção é a voz de Pethit que passeia com facilidade entre versos em inglês e português, o que poderia ser um problema na concepção de um álbum bilíngue acaba virando um instrumento útil nas composições do cantor. Artifício que se mostra muito bem em seu dueto com Mallu Magalhães “Perto do Fim”. Sem se prender a um gênero musical fechado o disco mescla música de cabaret, jazz e rock, se assumindo nesta indefinição ao mesmo tempo que  se revela um trabalho extremamente coeso.

Pau Brasil – Villa-Lobos Superstar

Nesse incrível projeto o quinteto instrumental Pau Brasil se juntou ao quarteto de cordas Ensemble SP e ao cantor Renato Braz para fazer releituras de obras de Villa-Lobos, projeto esse que ficou registrado no CD Villa-Lobos Superstar. O disco trabalha com o melhor de distintos gêneros, da música erudita e jazz à música popular tão pesquisada e incorporada na obra de Heitor Villa-Lobos. O resultado foi um excelente show onde essas três vertentes, o quarteto, o ensemble e o cantor, se juntam para apresentar novas leituras de conhecidas obras de Villa-Lobos como, Modinha, algumas Bachianas e Cair da Tarde.

Bruna Caram – Será bem-vindo qualquer sorriso

Mesmo tendo chegado no final do ano, o aguardado terceiro álbum de Bruna Caram despontou como um dos maiores sucessos de venda do ano de 2012. Em seu terceiro disco Bruna Caram traz um repertório brasileiro e contemporâneo, apresentando com sua voz arranjos produzidos por Otávio de Moraes. O repertório é variado e contém apenas composições inéditas de grandes compositores brasileiros como: Zé Rodrix, Jorge Ben Jor, Djavan, Pedro Luís, Caê Rolfsen, Mallu Magalhães e Herivelto Martins. A suave voz de Bruna floreia entre os variados ritmos desse leve disco que apresenta o melhor da atual música brasileira.