24º Prêmio da Música Brasileira – Artistas Concorrentes da Tratore

Já saíram os finalistas do 24º Prêmio da Música Brasileira, que nessa edição homenageará o saudoso Tom Jobim. A cerimônia acontece no dia 12 de junho, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Seis dos nossos artistas estão concorrendo, sendo que três deles concorrem entre si em uma só categoria. A gente te mostra agora quais são esses artistas.

PREMIO DA MUSICA

NOEL ANDRADE  – Charrua

Charrua é o primeiro disco de Noel Andrade, que já começou bem, engatando essa indicação ao Prêmio da Música Brasileira.  O músico de Patrocínio Paulista (SP) é um exímio violeiro, influenciado pelas canções de artistas como Dércio e Doroty Marques, Almir Sater e Tião Carreiro. Esse disco de estreia foi gravado com diversos instrumentos além da viola, como a harpa paraguaia, a gaita, o clarinete, rabeca, piano e entre outros.  O cd ainda conta com as participações de Renato Teixeira e Dércio Marques, e tem composições de Rosinha de Valença, Francisco Nepomuceno, Chico Lobo, entre outros. Ele concorre na Categoria Regional de Melhor Cantor, junto com Moraes Moreira (A Revolta dos Ritmos) e Passoca (Suíte Paulistana).

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=5766

05766

SIMONE GUIMARÃES  – Chão de Aquarela

Em parceria com a cantora Cristina Saraiva, Simone Guimarães lançou o álbum Chão de Aquarela com releituras de canções de seus antigos cds, como “Estrela do meu bem querer” (Cirandeiro – 1997) e “Relento” (Aguapé – 1999), e faixas inéditas exaltando a tradição musical do interior de São Paulo. O álbum todo foi produzido por Cristina Saraiva e Mario Gil. Simone concorre na categoria Melhor Cantora com Déa Trancoso (Flor do Jequi), e com Elba Ramalho (Vambora Lá Dançar).

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=5630

05630

GUGA STROETER E ORQUESTRA HB – Xirê Reverb – Canta Aloisio Menezes

Nesse último álbum de Guga Stroeter e da Orquestra HB, o grupo entoa as canções devocionais dos terreiros da nação Ketu, da Bahia, na voz de Aloisio Menezes. Os cânticos têm base nos tambores de agogô, contrabaixo, instrumentos de sopro e recursos eletrônicos que os trazem a uma experiência com a música contemporânea. Eles concorrem na categoria Regional de Melhor Grupo. Na disputa pelo prêmio ainda estão a Banda Sertanilia (Ancestral) e a Orquestra Popular da Bomba do Hemetério (Cabeça No Mundo).

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=1774

01774

PAU BRASIL – Villa-Lobos Superstar

O projeto Villa-Lobos Superstar é uma homenagem ao compositor Heitor Villa Lobos, feita por três grupos renomados da música erudita brasileira: O Ensemble SP, formado por Marcelo Jaffé (viola), Betina Stegman (violino), Nelson Rios (violino), e Robert Suetholz (violoncelo), o Grupo Pau-Brasil, formado pelos músicos Nelson Ayres, Rodolfo Stroeter, Paulo Bellinati, Teco Cardoso e Ricardo Mosca, e por último o cantor paulistano Renato Braz. Esse encontro marca uma forma diferente e inusitada de interpretar a obra de Villa-Lobos. O grupo concorre na categoria Grupo Instrumental, junto com Quaternaglia e Saracotia, que também são parceiros da Tratore, e também na categoria Melhor Álbum Instrumental, com Yamandu Costa e Rogério Caetano, e Paulo Moura e André Sachs (Fruto Maduro).

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=5703

05703

QUATERNAGLIA – Jequibau

Mais um concorrente da categoria Grupo Instrumental, O quarteto de violões Quaternaglia é formado por Chrystian Dozza, Fabio Ramazzina, Thiago Abdalla e Sidney Molina. Nesse álbum, Jequibau, o grupo reproduz as obras de Paulo Bellinati, Egberto Gismonti, Paulo Tiné e Marco Pereira. O Quaternaglia já ganhou o “Ensemble Prize” no “Concurso Internacional de Violão de Havana” (Cuba), e também elogios da crítica internacional.

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=5714

05714

SARACOTIA – Saracotia

O último concorrente da categoria Grupo Instrumental é formado pelos músicos Rafael Marques (bandolim de 10 cordas), Rodrigo Samico (violão de 7 cordas), e Márcio Silva (bateria). O repertório do grupo é marcado pela apresentação de diversos gêneros musicais com linguagem e arranjos próprios, e muito improviso. O trio transita pelo Jazz e pelo Choro, passando também por gêneros como o Samba, o Frevo e ao Baião, com influência nos trabalhos de Jacob do Bandolim, Hermeto Pascoal, Hamilton de Holanda, entre outros. O grupo concorre também na categoria Artista Revelação, com Alice Caymmi (disco homônimo) e Rodrigo Campos (Bahia Fantástica)

http://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=1991

01991

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s