Apple Music, o serviço de assinaturas da Apple, e porque você deve prestar mais atenção nele

apple-music-960x540

Na semana passada vimos notícias que o serviço de assinatura de música da Apple, o Apple Music, tinha passado os 10 milhões de assinantes em seis meses de serviço. Algumas considerações:

  • Se você, artista, não estava prestando atenção no Apple Music, é hora de prestar. Se você é distribuído pela Tratore, sua música já está lá, então não precisa se preocupar com essa parte. Mas você tem muito mais recursos dentro do serviço além do streaming, já que ele pode ser usado como uma espécie de rede social para os artistas. Veja aqui: http://www.apple.com/music/connect/
  • O Spotify demorou quatro anos para chegar a esse número e hoje tem 20 milhões de assinantes pagos, o dobro da Apple Music. Outros 35 milhões de usuários utilizam a versão gratuita do Spotify.
  • Claro que isso é uma consequência de a Apple ter uma base instalada gigante de iPhones e iPads e de estes aparelhos já virem com o app instalado. Mas, mesmo assim, é impressionante ver quantos destes usuários eles conseguiram converter para as assinaturas. Eles vão chegar até o numero de usuários do Spotify? Ninguém sabe ainda.
  • Uma coisa que está fazendo a indústria da música coçar a cabeça é a seguinte: o Apple Music não tem modo gratuito como o Deezer e Spotify tem. Então será que é possível fazer um serviço sem modo gratuito? Ao mesmo tempo, o Apple Music tem TRÊS meses gratuitos antes de começar a cobrar, o que é muito. Os analistas ainda não chegaram a uma conclusão.
  • O pagamento per stream do Apple Music é da mesma ordem de grandeza, segundo os analistas, dos outros serviços de streaming — um pouco acima, na verdade. Então, em termos de arrecadação, torna-se uma plataforma de especial importância para artistas e outras pessoas e iniciativas do mercado fonográfico.

Para quem quiser ler mais sobre o assunto, recomendo este artigo em inglês:

http://www.digitalmusicnews.com/2016/01/10/apple-music-tops-10-million-paid-subscribers-6-months-after-launch/

E em português, mais resumido, na Folha de São Paulo:

http://www1.folha.uol.com.br/tec/2016/01/1728180-em-seis-meses-apple-music-chega-a-10-mi-de-assinantes-spotify-levou-6-anos.shtml

Quem ainda não está familiarizado com todas as possibilidades do serviço, o site da Apple disponibilizou vídeos-guias didáticos (e em português):

(Mauricio Bussab)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s