Dicas Tratore: O que é um álbum “masterizado para o iTunes”?

mastered-for-itunes_wide-4cde2c2f75e4106d0cf6aadfda7fd54f45d73023-s900-c85

por David Dines

Implantada em 2012, a classificação “mastered for iTunes” chama a atenção dentro do mercado musical desde o seu surgimento. Hoje essa certificação é possível para lançamentos de todos os portes, inclusive os independentes. Mas o que há de diferente em relação ao áudio “mastered for iTunes” e como obter esse selo para o seu lançamento?


O surgimento do “mastered for iTunes” (ou “MFiT”) está na raiz do próprio desenvolvimento da loja digital, que foi a pioneira da venda de MP3 com o aval da indústria fonográfica. O MP3, que já estava estabelecido com o compartilhamento ilegal na web, era mal visto entre os audiófilos devido a compressões não profissionais a partir de CDs. Nesses processos caseiros, o procedimento padrão de “ripagem” acabava deixando os arquivos com supressões de frequências e distorções indesejadas.

Em busca de excelência técnica, a Apple desenvolveu um protocolo de masterização que otimizaria os resultados do áudio quando comprimido para players portáteis (em um novo formato, AAC Plus) e pelo qual não seria necessário adequar o áudio à taxa de amostragem padrão do CD (44.1kHz / 16 bits), que é um procedimento usual na finalização do fonograma. Além disso, há especial atenção à equalização, variação dinâmica e níveis de ganho, de modo a garantir que o álbum não tenha volumes excessivos e funcione da melhor forma possível em celulares e outros tipos de dispositivos móveis.

rebetezmfit

(álbum “O Corpo de Dentro”, de Lourenço Rebetez, distribuído pela Tratore, com o selo “Masterizado para o iTunes” dentro da plataforma)

Desde a implantação, engenheiros de masterização do mundo todo são certificados diretamente pela Apple para que seus trabalhos possam receber o selo “mastered for iTunes”. Nenhum álbum masterizado por um engenheiro não-certificado pode receber essa classificação. Quando distribuidoras e agregadores como a Tratore encaminham uma solicitação desse selo para um lançamento, é necessário encaminhar também o nome do engenheiro, seu estúdio, endereço, telefone e email, para que essas informações possam ser conferidas com o banco de dados da Apple e aprovadas.

Confira com seu engenheiro de masterização se ele possui essa certificação para o selo “Mastered for iTunes”. No Brasil, há profissionais de São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis e Curitiba credenciados pela companhia norte-americana. Entre eles estão Carlos Freitas (Classic Master), Ricardo Garcia (Magic Master), Homero Lotito (Reference Master Studio) e Paulo Bueno (ClickAudioWorks).

Anúncios

Um comentário sobre “Dicas Tratore: O que é um álbum “masterizado para o iTunes”?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s