Dicas Tratore: Como otimizar seu conteúdo no YouTube – Parte 1

youtube-1515875370xwr

por David Dines

Você sabia que a forma como você apresenta as informações nos seus vídeos e no seu canal no YouTube pode melhorar o alcance de público? Pode parecer formalidade, mas são tantas as variáveis que definem o desempenho de um vídeo que detalhes assim podem fazer a diferença no algoritmo.

O blog da Tratore apresenta algumas dicas que você pode aplicar na postagem dos seus vídeos, para que estejam de acordo com o padrão definido pelo YouTube:

1. Título e miniatura

Assegure-se de que ambos são claros e descritíveis. O padrão de título “Nome do artista – Nome da faixa” é recomendado, sempre acrescentando uma observação à frente quando tratar-se de um “Clipe Oficial” (ou “Vídeo Oficial”), “Álbum Completo”, “Ao Vivo” e afins. Não colocar o artista no título prejudica o algoritmo do YouTube na identificação do seu vídeo para o público.

A miniatura deve ser atraente, chamar a atenção do público — tanto que, caso o artista apareça no vídeo, é interessante que ele esteja na miniatura, com o rosto visível. E também deve ser coerente com o conceito visual do vídeo. O uso de cartelas (imagens fixas especiais com uma arte aplicada) também é uma boa solução de miniatura.

titulominiatura
Exemplo de título e miniatura no YouTube

2. Descrição

No YouTube, a descrição dos vídeos é dividida em duas partes: essencial (as três linhas que aparecem abaixo da identificação do vídeo) e suplementar (as informações que aparecem quando clica-se em “Show more” ou “Mostrar mais”).

A descrição essencial, assim como o título, informa o algoritmo do YouTube de forma prioritária. Nesse caso, o ideal é que a frase seja a mais direta possível, como, por exemplo: “Videoclipe oficial da música X, do artista Y, presente no álbum Z (2018). Ouça agora na plataforma W: (link)”. Este é um bom lugar para inserir o link mais importante para o qual você quer direcionar o seu público.

Na descrição suplementar, recomenda-se que você siga a seguinte ordem: primeiro, links para outras lojas digitais, seguidos por redes sociais e letra da música. Links para playlists, site oficial e créditos também são bem-vindos.

3. Tags

Dê atenção a este campo, que pode ajudar o seu vídeo a ser descoberto por outras pessoas de acordo com a força da sua relação com cada tag. As essenciais são o nome do artista, o nome da faixa do videoclipe, álbum e selo/distribuidora. Se seu nome de artista for passível de homônimos, inclua um termo com o nome mais outra informação pela qual as pessoas te buscam mais frequentemente. Integrantes, caso sejam conhecidos fora da banda, podem ser incluídos como tags. Contextos e estilos musicais também são bem-vindos (por exemplo, “Indie Brasil”, “Nova MPB”, “Jazz Brasil”, etc.)

4. Chamadas para ação

Ao fim do seu vídeo, é possível criar oportunidades para que seus fãs engajem mais com seu conteúdo — são as denominadas “chamadas para ação” (calls-to-action). Elas podem convidar o espectador/ouvinte a ver mais vídeos ou escutar sua música em outra plataforma, aprofundando na relação com o seu trabalho.

No YouTube, uma das principais formas de otimizar chamadas para ação é por meio de cards, que criam links interativos dentro do vídeo, visíveis a partir do botão (i), que aparece no canto superior direito do vídeo. Você pode direcionar esses cards para links nas lojas digitais, sites externos, mais vídeos, playlists ou para um canal.

cardsExemplo de cards no YouTube

Também é possível fazer um card especial de encerramento do vídeo. Se seus fãs realmente gostaram do conteúdo, essa é uma boa chance de convidá-los a continuar a experiência, indo para mais vídeos, playlists ou links de onde ouvir seu álbum, além de também poder convidá-los par assinar o seu canal.

cardsencerramento.pngExemplo de card de encerramento

No próximo texto, falaremos como otimizar o seu canal no YouTube para também ter resultados melhores.

Leia também:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s