Dicas Tratore: 3 motivos para utilizar newsletter na promoção de um artista

home-office-336378_960_720

por David Dines

Em tempos de Instagram, Facebook, Twitter e Snapchat, as redes sociais tornaram-se o foco principal de promoção de um trabalho artístico. No entanto, a famosa newsletter pode ser uma ótima ferramenta de comunicação na atualidade. Confira aqui três argumentos que farão você reconsiderar essa forma de contato com os fãs:

1. Mudanças no alcance orgânico nas redes sociais

Construir público nas redes é um ato cada vez mais estratégico e menos intuitivo, devido às mudanças dos algoritmos para priorizar certos conteúdos. O Facebook, por exemplo, já não garante mais nenhuma porcentagem de alcance orgânico para fanpages, priorizando na linha do tempo dos usuários apenas as postagens de amigos e grupos. Para que sua postagem da fanpage apareça para outras pessoas é preciso impulsionar — pagar à plataforma por visualizações. No Instagram, você compete por visibilidade com outros usuários e perde prioridade na linha do tempo dos seus seguidores caso não poste constantemente. Uma alternativa, claro, é impulsionar seu conteúdo por lá também para que apareça para mais pessoas.

Com essas transformações constantes, as redes sociais obrigam quem trabalha no ambiente digital a mudar rapidamente de abordagem para atingir públicos maiores, sem falar na oneração constante para os artistas. É sempre bom utilizar essas redes, entendendo como estabelecer uma relação forte com os fãs em cada uma e impulsionar certos conteúdos em momentos importantes. No entanto, a newsletter pode ser uma ferramenta a mais para falar da sua produção artística sem tantas barreiras estruturais, de modo que seu conteúdo sempre terá prioridade para seu fã na caixa de e-mail.

2. Boa vontade do público em receber seu material

Quem se inscreve na sua mailing list, está concordando voluntariamente em receber novidades suas. São pessoas que acompanham o seu trabalho e engajaram com ele o suficiente para querer saber dos seus próximos passos. É menos invasivo do que um impulsionamento nas redes sociais, em que um conteúdo inadequado corre o risco de chegar a uma pessoa que não tem relação alguma com aquilo apenas devido ao desenho de público feito para a campanha.

Em pesquisas recentes comparando o alcance dos dois tipos de comunicação, constatou-se que cerca de 18% das pessoas leem e-mails promocionais que chegam em suas caixas e 3,7% clicam nos links presentes nas mensagens — números bem maiores do que a média de 0,07% do Facebook e 0,03% do Twitter em relação a número de cliques em links nas postagens, por exemplo.

3. Você cria uma via eficiente de comunicação direta com o fã

Em certo sentido, é mais fácil chegar ao seu fã individualmente pelo e-mail, ainda que os ambientes mais propícios à disseminação em massa do conteúdo sejam as redes sociais. Em números brutos, há muito mais pessoas no mundo que têm contas de e-mail do que no Facebook ou no Twitter, e cerca de 91% delas abrem suas caixas de e-mail todos os dias.

Algo a se considerar também é que o apelo de cada rede social muda conforme o tempo para diferentes tipos de público. Há casos, inclusive, de plataformas que chegam a cair em desuso, como o Myspace. Se o seu fã interage contigo apenas a partir de determinada rede social, você perde aquele contato quando essa ferramenta entra em declínio junto ao grupo social dele. O e-mail acaba sendo uma via de comunicação menos volátil, uma vez que tem uma longa vida útil, e menos mediada obrigatoriamente por uma plataforma.

Ferramentas como MailChimp, YMLP e OptinMonster podem ajudar no desenvolvimento do seu mailing list para o envio de newsletters. Vale a pena avaliar a recepção sempre do seu público a essa ideia e aos conteúdos, adaptando sempre que possível para otimizar os resultados.

Leia também:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s