O que acontece depois de entrar em uma playlist editorial?

por David Dines

Entrar em uma playlist editorial de um grande serviço de streaming ajuda sua música a chegar a mais pessoas, mas o que acontece depois que ela entra? Como aproveitar melhor a situação e entender os desdobramentos? Confira alguns pontos levantados pela Tratore:


1. Aproveite para compartilhar, compartilhar e compartilhar

Essa é uma oportunidade para trabalhar esse destaque com promoção cruzada, levando as pessoas que te seguem nas redes sociais para ouvir a playlist da plataforma – e também, para levar as pessoas que te escutam na plataforma para suas redes sociais, nos casos em que é possível incluir links na página de artista. Quanto mais ouvintes a faixa tiver dentro da playlist, maior a probabilidade de que ela permaneça um bom tempo por lá.

2. Analise as tendências de desempenho da faixa

Depois da escolha inicial do editor, o número de execuções e o nível de aprovação da faixa pelos ouvintes é que dirá sobre o tempo e a posição em que ela irá constar dentro da playlist. Quanto antes ela aparecer, melhor, porque as dez primeiras faixas são as mais ouvidas em qualquer playlist, e os ouvintes vão se dispersando progressivamente no decorrer das músicas.

Se uma faixa tiver um skip rate muito alto, ou seja, se os ouvintes da playlist pularem a música rapidamente com uma frequência muito grande, é provável que ela deixe de aparecer na lista na próxima atualização, pois está interrompendo o fluxo da experiência do público. Mas se ela apresentar níveis crescentes que também se relacionem a outras métricas boas diretamente suas (como um número cada vez maior de seguidores e de pessoas que ouvem suas músicas na página de artista), é provável que ela suba progressivamente de prioridade dentro da playlist, podendo chegar até as primeiras posições. Em algumas plataformas, caso o artista tenha lançado um EP ou álbum que chamou muito a atenção dos editores, outras faixas desse novo produto podem ser incluídas em mais playlists caso seja notado esse contexto de crescimento.

Se a sua faixa tiver um bom desempenho na playlist, mas isso não se reverter em uma crescente sua de público, são grandes as chances de que a faixa deixe de aparecer por lá em breve. Isso porque fica subentendido que é só a playlist editorial que está puxando público para a canção, em vez de um esforço equilibrado por parte do artista e de outras frentes. Em playlists muito disputadas, esse fator conta bastante.

3. Saiba que nem todos os ouvintes vão virar seus fãs

Estar uma playlist com dezenas ou centenas de milhares de ouvintes não significa que esse público vai imediatamente converter em seu público. Há playlists que são mais homogêneas na relação entre gosto do público e material colocado, mas há playlists que são mais diversas e que não têm o mesmo nível de coesão na aprovação dos ouvintes. Estar numa playlist editorial ajuda no alcance, mas não no engajamento do seu público, então as outras frentes de ação continuam sendo muito cruciais.

Um outro ponto é: mesmo que sua faixa seja ouvida milhares de vezes em uma playlist, isso não significa que a maior parte desse público está criando uma relação com o seu trabalho artístico. Eles estão criando relação com aquela faixa. A atenção do público geral hoje é cada vez mais fragmentada, e exige esforço e estratégia para aproximar-se desses ouvintes e transformá-los em fãs.

4. Planeje seus próximos lançamentos

Essa visibilidade concedida por uma playlist editorial beneficia o artista quando faz lançamentos periódicos. Se você tem mais produtos saindo em breve, os editores que já estão ligados no seu trabalho podem abrir espaço para suas músicas em mais playlists desse tipo, podendo maximizar esse momento de atenção.

Leia também:

Tratore é a maior distribuidora de música independente do país, com mais de 10 mil artistas em catálogo. Desde 2002, disponibilizamos álbuns, EPs e singles em lojas físicas e digitais do Brasil e do mundo. Para distribuir sua música conosco, acesse: http://www.fonomatic.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s