Quais são as diferenças entre os planos das plataformas de streaming?

por David Dines

Todo serviço de streaming de música oferece opções de planos aos usuários – alguns deles, inclusive, com formatos gratuitos. Mas quais são as diferenças na experiência do ouvinte em cada uma dessas assinaturas? Quais são as restrições e benefícios aplicados de acordo com o tipo de conta? Saiba mais:



1. Spotify

A plataforma possui dois tipos de assinatura: Grátis e Premium. Em ambos, todo o catálogo de mais de 70 milhões de músicas fica disponível para os ouvintes, bem como o acesso a todas as playlists, podcasts e audiobooks.

O plano Grátis apresenta diferenças na experiência do usuário entre os ambientes desktop (computador) e mobile (celular e tablet). No computador, é possível ouvir qualquer faixa, álbum ou playlist a qualquer momento e em qualquer ordem, seja usando o aplicativo do Spotify ou a versão web. A cada determinado número de músicas escutadas, no entanto, um anúncio será apresentado. O áudio é disponibilizado no formato AAC 128 kbps no web player e, dentro do aplicativo, há opções de qualidade que vão de 24 a 160 kbps, que dependem da conexão do ouvinte.

Já na versão móvel, as restrições são maiores. Ao usar uma conta gratuita em um celular ou tablet, você geralmente não consegue escolher as músicas específicas que quer ouvir. A execução é aleatória, pode incluir faixas de outros artistas no meio da audição (especialmente se o álbum ou playlist tiver menos de 15 faixas) e é possível pular de faixa apenas seis vezes a cada hora. As exceções são as playlists personalizadas pelo algoritmo do Spotify, como Descobertas da Semana, Daily Mix e Radar de Novidades, dentro das quais é possível interagir mais livremente. Não é possível salvar músicas para ouvir offline nessa versão e, assim como no desktop, os anúncios estão presentes a cada certo número de faixas escutadas. Outra restrição é no uso em viagens internacionais: após 14 dias em outro território, o usuário terá de mudar suas configurações de país, o que impacta nas sugestões algorítmicas, ou assinar o plano Premium para manter a conta da maneira original.

Já na modalidade Premium, você pode escolher as músicas que quer ouvir em todas as playlists, seja no desktop ou mobile, sem interrupção por anúncios. A qualidade de áudio no web player é 256 kpbs e, dentro do aplicativo, há a possibilidade de escolher até 320 kbps. O usuário também pode baixar até 10 mil faixas para ouvir offline. O Spotify Premium pode ser contratado nos formatos Individual, Universitário (50% de desconto na assinatura por até quatro anos), Duo (duas contas premium com valor reduzido para pessoas que moram juntas) e Família (até seis contas premium por um preço reduzido).

2. YouTube Music

Há duas versões do YouTube Music: o YouTube Music, que é gratuito e exibe anúncios, e o YouTube Music Premium, que, com um pagamento mensal, remove os anúncios, habilita faixas para ouvir offline e possibilita continuar ouvindo música com o aplicativo em segundo plano ou com a tela do celular desligada, o que não acontece na outra versão.

Em ambos os formatos é possível acessar todo o catálogo de músicas do YouTube e contar com a busca facilitada da plataforma, na o usuário pode encontrar faixas não só por artista e título, mas também a partir de pedaços de letra e descrições.

Além dessas opções, ainda há o YouTube Premium, que amplia as possibilidades do YouTube Music Premium para todo o ambiente de vídeos do YouTube e concede acesso ao conteúdo YouTube Originals.

3. Deezer

A plataforma tem três tipos básicos de assinatura: Grátis, Premium (que inclui os planos Família, para até seis contas, e Estudante, válido para universitários entre 18 e 25 anos) e HiFi, que possibilita escutar música sem perda de qualidade, em formato FLAC.

A assinatura Grátis permite ouvir música ilimitada (com anúncios e qualidade padrão) no computador e no tablet, mas o uso fica restrito no celular ao modo Flow (aleatório, com sugestões algorítmicas) e as Deezer Mixes. Já no plano Premium é possível ter livre acesso ao conteúdo em alta qualidade no ambiente mobile e também em outros dispositivos conectados, como TVs, sistemas de áudio, veículos e videogames.

4. Amazon Music

A principal diferença entre as assinaturas da Amazon Music está, ao contrário de outras plataformas, no volume de conteúdo disponível para acesso. Há três modalidades de uso: Amazon Music Free, que é gratuita, inclui anúncios e dá acesso apenas às estações e às principais playlists, Amazon Music Prime, disponível nas assinaturas de Amazon Prime e que dá acesso sem anúncios a 2 milhões de músicas, e Amazon Music Unlimited, que permite o acesso a uma base de mais de 70 milhões de músicas. Dentro do Unlimited, também é possível fazer uma assinatura restrita ao aparelho Echo (apenas um dispositivo por vez) e também em um plano Família, para até seis dispositivos.

Todos os tipos de assinatura possibilitam livre acesso à base de podcasts da plataforma, acesso ao recurso ao vivo (ferramenta disponível para artistas que vincularem seus canais do Twitch com suas contas na Amazon Music for Artists) e aos dispositivos que interagem com a assistente virtual Alexa.

Na Amazon Music Prime e na Amazon Music Unlimited também é possível salvar faixas para ouvir offline – exceto no Unlimited plano Echo, que demanda uma conexão do aparelho à internet em todos os usos.

5. Apple Music

A plataforma não possui modalidade gratuita e suas modalidades restringem-se apenas aos planos Individual (que pode ser pago mensalmente ou em uma taxa única anual), Universitário (valor reduzido para estudantes) e Familiar, com acesso para até seis pessoas. Em todos eles é possível acessar todo o catálogo da plataforma e conteúdos exclusivos sem anúncios, baixar 100 mil músicas para ouvir offline e utilizar sua conta em qualquer dispositivo Apple.

Há também a possibilidade de assinar o Apple One, que combina a assinatura da Apple Music com as da Apple TV+ e da Apple Arcade, voltada para games, além da contratação de armazenamento extra no iCloud.

6. TIDAL

O serviço de streaming  também não oferece modalidade gratuita. Seus planos dão acesso à todo o catálogo da plataforma, mas a variação principal é na qualidade de áudio. Os tipos disponíveis são o Premium, com qualidade de som padrão e videoclipes em alta definição, e o HiFi, com som de alta fidelidade sem perdas, que inclui como recursos as experiências imersivas Sony 360 Reality Audio e Dolby Atmos Music. Ambos os tipos de assinatura também têm possibilidades de assinatura Familiar (para até cinco pessoas) e para Estudante.

Leia também:

Tratore é a maior distribuidora de música independente do país, com mais de 10 mil artistas em catálogo. Desde 2002, disponibilizamos álbuns, EPs e singles em lojas físicas e digitais do Brasil e do mundo. Para distribuir sua música conosco, acesse: http://www.fonomatic.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s